sábado, 12 de janeiro de 2013

Medo.

E quando corações se encantam, 
se encontram,
se entrosam?
E quando você deseja estar mais e mais perto?
E quando tudo está indo bem 
e o medo vem e trava tudo?
Eta medo bobo!
A vida passa... rápido passa...
E essa capa protetora é para quê?
Proteger-se de viver?

Às vezes somos os próprios 
destruidores do que mais desejamos...


Postar um comentário