segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Novo tom...

Recomeço.
Novos tons de mim surgem ao amanhecer.
Meço o que se foi 
e lanço fora os fragmentos de dor 
que ainda persistem em fazer-se existir.
Expulso-os.
Abro as portas para o Sim e sigo com Ele.
Agora, não mais igual.
Não mais o mesmo tom.



Postar um comentário