domingo, 20 de agosto de 2017

sobre...

sobre viver um momento apaixonado.
sobre ter o peito cheio de coisas saltitantes.
sobre escrever amenidades, doidices, lindezas.
sobre ter inspiração no amor e na vida borbulhante.




Ainda bem que você sabe ler...

Queria te roubar pra mim um pouco.
Deixar romper tudo que deve ser transpassado.

Queria deixar teu cheiro tomar lugar, teu riso me sorrir, tua boca se encaixar.

Deixar as palavras pulsarem pelos poros, pelos pulsos, pelos respiros profundos, pelos pensamentos transbordantes no olhar que disseca as Sílabas que a boca não quer expressar.

Quero só relembrar a mim e a ti que existe esse lugar.

Que nos encontros que se fazem viver assim, sem ao menos pedir à existir,
deve-se acolhimento, respeito e vida,
pois há que se pensar que um dia haverá partida.



(((Sobre inspirações)))

✨✨✨em um tempo de cuidado, de intensidade, metas, alvos.
Tempo de continuidade e absorvição, de ocupação dos porquês e realístico olhar, eis que as flores vem e criam um lar.

Assim, como quem quer poemizar as lutas, assim despretensiosamente cheirosa, exalando-se em toda volta, abrindo-se em cores e nuances lindas.
Eis que chega a florir a vida.

A saber, como é possível em vida já grande o peito florescer em instantes? A saber, como faz-se possível transpor telas distantemente proximais navalhar carne e Alma?
A saber, a curiosidade de conseguir florir o peito de forma (((à mim))) não explicável, não habitual. 

Jardim interno de conflito belo, com o Sim do nascer e pôr do sol interno, com o desprender de saber tais porquês que nem deveriam haver, pois o sentir é nobremente e novamente belo, eis a manhã. Raptor das palavras transbordantes, daquilo que deveria ser atenuante, mas é quente, presente, ausente, estranhamente viva uma história aparentemente distante. 

Faz-me pensar em "fés" que não normalmente acredito, sobre o já ter vivido, sobre o já ser, sobre o já haver, sobre o já estar, sobre já.

O tempo chegará de tudo matar ou morrer? Deverei escolher? Sei lá... só sei que hoje é domingo.
Hoje é domingo.


quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Embaraço

Nossos mundos se cruzam, se laçam, enlaçam.
Outras vezes embaraçam mesmo...

Sobre os medrosos

Se as pessoas deixassem a compreensão interna as direcionar entenderiam a finitude das coisas, a brevidade das oportunidades, o milagre dos momentos...

Não perderiam tanta vida, tanto amor, tanto sorriso, tanta reciprocidade que a alma voluntariamente propõe a quem é de direito.

Não perderiam o momento presente com medo das possíveis dores, dos improváveis futuros, das falsas medidas, das convenções exteriores.

Se as pessoas parassem de pensar tanto nos outros... seriam muito mais elas mesmas.

Mais inteiras, mais disponíveis, mais felizes.

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Sobre a beleza da vida

✨✨✨às vezes me faltam palavras e sobram respiros profundos quando vejo as imagens que reproduzem as belezas da vida. Meu peito é tomado de um amor que não para... parece um fluxo imenso d'agua derramando gratidão eterna. •

(((Nunca deixe de reconhecer nenhum momento)))

******imagem de @marcianegafotografa 


terça-feira, 15 de agosto de 2017

(((Por uma vida sem balelas)))

✨✨✨o mundo tá cheio de invencionices, fofocagem, ladroagem.

Cheio de gente que acha bacana acoitar bandido, amar e viver traindo, fazer tudo escondido.

O mundo tá cheio de gente que gosta de dar desculpas e usa os outros de escudo para suas escolhas. Tá cheio de gente que diz sim só pra agradar.

A vida tá cheia de gente teatralizando, fazendo sala, vestindo a roupa da mentira, rindo o riso da hipocrisia, fingindo não gostar de quem gosta, não desejar o que deseja, não fazer o que faz.

A vida tá cheia de mais mas más...

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Puta mágica

✨✨✨Ainda me surpreendo como alguém pode quebrar barreiras e tocar uma Alma com a palavra. Mesmo que a tempos já saiba a profundidade que elas cavam. Ainda assim faço-me revelada quando as letras me caçam nos esconderijos que só belas almas me acham. Mágica. Puta mágica.

✨✨✨(((sobre almas que se conectam)))


domingo, 6 de agosto de 2017

Sobre o que as pessoas aceitam

✨✨algumas pessoas acham que merecem encaixe, merecem amor leve, merecem aventuras juntos. Algumas pessoas acham que merecem mais do que tem e recusam toda forma de amor que lhes vem... não conseguem enxergar suas delicadezas. Algumas pessoas acham que não merecem, por isso não o recebem. Talvez nem saibam o que lhes acontece. Talvez não consigam enxergar suas dificuldades... quem sabe por algo que se foi, quem sabe por algo que feriu, quem sabe por medo da reprise, quem sabe pelo que sabe de si... mas por mais que acham que estão bem, simplesmente não aceitam coisas melhores para si. Escolhem o pior. Escolhem o que fere. Escolhem a mentira. Escolhem o erro. Escolhem menos do que valor que tem. 

Algumas pessoas conseguem se ver. Conseguem se deixar amar. Conseguem amar o que são. Conseguem se permitir. 

As pessoas aceitam o amor que acham que merecem ter.

Cuide de como você se vê. 


sábado, 5 de agosto de 2017

Amor

✨✨o amor é uma espécie de abandono de si.


Natural

Não receba o que não é seu.

Tudo que é forçado, implorado, perseguido, não flui de forma natural e acaba nos transformando em pessoas que não conhecemos.

O que é seu vem naturalmente. É simplesmente nosso e não precisa de explicação.



quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Entenda...

🌱Quando você entende que poderia viver em qualquer lugar, poderia andar descalço, amar o dia amanhecendo, sorrir pro vento que passa, tomar uma taça... quando você não liga pra pompa, não esquenta a mufa atoa, se desliga de pessoas que não precisam ser ligadas... quando você acorda consigo mesmo e dorme consciente e tranquilo, respira fundíssimo, ama até o que não parece amável... quando você se vê sempre grato por entender que tudo é emprestado e daqui a pouco tudo terá passado... aí a vida se faz como é: leve! Um presente breve!

De @andquintao #pensamentos #poesias #verdade #pessoasqueamo #frescor #vida#alma#tempo#lindo#simplicidadesempre #simplelife#simple#verde





Sobre como nascemos

✨✨isso não para... algumas pessoas não entendem que as pessoas nascem com coisas dentro, não como tabula rasa, mas com um conhecimento prévio de algo que elas carregam. Sim, me lembro bem de escrever desde que era aquela menina de cachinhos marrons e sorriso tão grande que nem parecia caber na boca. Lembro do troféu de poesia com 10 anos. Lembro as palavras escritas em cadernos com muita rima e prosa. Pessoas nascem com coisas que as definem, as demonstram, as ampliam, as fortalecem. Pessoas nascem pre-dispostas a coisas que mesmo que elas não queiram ser ou usar, não podem conter, porque é inerente à elas. Pessoas são seres de luz e espaço imenso dentro de uma caixa pequena. Às vezes a luz é branca às vezes negra, mas emitem essa luz para fora delas. Pessoas são instrumentos, tem motivo, tem causa, têm propósitos. Mesmo que elas desconheçam e se percam em caminhos que nem imaginavam. Pessoas são histórias cheias de acentuações e travessões. Nascem cheias de coisas. Morrem cheias delas. ✨✨

((((Sobretalentosquesecarrega)))) de @andquintao •

Meu blog www.foradacena.blogspot.com

#pensamentos #poesias #verdade #pessoasqueamo #frescor #vida#morte#talentos#oquehadentro#verdades#verdade#true#alma#interior#segue#andreiaquintao #foradacena #textos#pessoas#texto#amplitude






Mude isso!


Sobre tudo que nós somos


✨✨é que as palavras pulsam. É que o coração flutua em uma leveza inacreditável. Antes pensava eu que os problemas e durezas e cruezas e todo emparedamento da vida pudesse conter o caminho, mas eis que a vida vai de acordo com a forma que você externaliza o que internaliza... mas eis que não há nada que impeça a grandeza que explode na Alma e derruba fronteiras. Eu bem sei que as capas são a natureza social que o mundo solicita, mas essa não é a verdadeira vida... porque os pés no chão do coração são essenciais para um corpo curado,  para um olhar lúcido. 

Porque o tempo nos chama a realizar o  princípio do que somos. Para que não passemos sem plantar de nós sementes que floreiem a seu tempo e fiquem nas histórias dos que não partem conosco. ✨✨


terça-feira, 18 de abril de 2017

Olá queridos!
Boa noite!

Gostaria de passar as informações da 3ª Edição da FEIRA CULTURAL MEU BLACK TEM POWER que acontecerá em maio nessa ocupação cultural na Baixada!


PROGRAMAÇÃO 3ª Edição



09h Início da Feira
13h Abertura das atividades artísticas
Roda de Conversa com Baixada Preta
13:40h Apresentação de Dança | Recicle
14h Apresentação de Dança | Movimente-se
14:30h Palestra com a Incubadora Afro
15h Desfile Multimarcas
15:30h Projeto Social | Cultura na Cesta
16h Apresentação Teatral | Confraria do Impossível
16:30h Apresentação Ganng
17h DJ
17:30h Início da Batalha do Conhecimento
18:30h Apresentação musical | MC Mabili
19h Finalização e Premiação da Batalha
19:20h              Baile com DJ New
20:00               Finalização da Feira


Programação aberta:

Exposição Tabu Ateliê
Espaço de Beleza Negra
Oficina de Grafite
Oficina de Selfie
Atividade Educativa



sexta-feira, 14 de abril de 2017

Poder interno

Tudo começa com uma questão.
Porquê?

Sim.
outro dia em pleno bate papo falávamos nós sobre toda a luta do dia a dia.
Toda a busca frenética do homem,
da sociedade,
nossa.

Então... porquê?

Eu tenho minhas respostas.
Eu tenho meus pilares.
Eu tenho descobertas pessoais e sigo-as.

Eu escolhi viver essas linhas que a cada parágrafo se desvendaram.

A vida é poética sim.
Bela sim.
Simples sim.
Complexa sim.
Mas ela depende do seu olhar.
Depende de você.
Depende de tudo que você decide fazer a partir do que vem até você.

Depende da atitude que você escolhe tomar quando está ferido.
Quando tem medo.
Quando tem dificuldades.
Quando não tem dinheiro.
Quando passa pelo perigo.
Pela carência.
Pela TPM.
Pela falta de carinho.

Você tem potencial definição nisso.

A busca é resolvida dentro.

Se para ter plenitude você precisa de valores.
Se precisa de gente.
Se precisa de calma.
Se só precisa acordar e ver que está vivo.
Se precisa ganhar na mega.

A questão está dentro.

Não está em quem mora perto ou longe.
Em quem mora bem ou mal.
Em quem anda de bike ou de salto.
Em que voa ou mochila por aí pra chegar.

Depende do que carrega no peito.

Depende da colocação das prioridades.

Depende se você sabe quem você é e o que ama.
Se sabe o que te faz bem.
Se conhece suas cores.
Se sabe o que gera a mudança dos seus humores.
Se você está bem ou mal.

A questão está em você.
Não está no outro.
Não está nas coisas.
No que tem ou que não tem.
Nem pra onde você vai.

Agora eu...
Eu acredito em alma.
Acredito em Deus.
Acredito em equilibrio.
Acredito em paz.
Acredito que as pessoas podem ser o que declaram.
Podem exercer o que pensam.
Podem ser os exemplos que nunca receberam de ninguém.

Podem exercer seu poder.
Seu poder interno.


sábado, 1 de abril de 2017

Sobre o que não se pode resolver

E quem sabe o soprar do vento interno seja a dor necessária para fazer sorrir?

Porque toda dor há de ir.

Tudo que é bom também há de ir... e vir.



Feita de Amor

O amor sempre me sobrou. 

Sempre me salvou.

Sempre foi tão fácil amar.
Ser gentil.
Ser em paz.

O amor me completa.
Sou feita dessa profundidade.
Sou feita de complacência e perdão.
Feita dessa imensidão.

E há quem pense que amar está aliado a sexualizar a vida.

O amor é mais intenso.
Tem a fluidez do tempo.
Tem a lágrima que pulsa dentro.
Tem barulho e gargalhar.
Tem silêncio.

Eu fui formada e fornada nele.
Nunca hei de estar só.
O amor está dentro.
Em movimento.
Pulsando na alma que um dia daqui irá.

Fui gerada pelo próprio Amor.
E em mim amor há.








quinta-feira, 30 de março de 2017

Sobre Identidade

Eu não poderia ser quem eu não sou.
Seria muito difícil pra mim.
E já não perco tempo vivendo para agradar a quem não agrada a si.


Eu não poderia ser outro.
Dá muito trabalho.
Exige muito esforço.


Sobre o Amor

O amor sempre será a resposta pra tudo.
Como diz o livro mais vendido no mundo: Não é bom que o homem viva só.
Ter perto de si pessoas que ama é um presente ao coração e Alma.
Um abraço, um sorriso, uma gargalhada, às vezes até mesmo uma simples olhada, traz um acalento por dentro, traz um acarinhar.

O amor é o maior mandamento do mundo. Restaura tudo. É um dom amar.



História de um trim

Quando faz trim
trimm
plim
e tal...
O coração faz junto um som,
um estranho,
som.

Ele já experimentou sentir isso.
Uma alegria estranha que não coincide com as alegrias normais.

Ela é diferente,
ascendente,
elevada,
eficaz em trazer sorrisos,
em trazer imagens,
em preencher o ar com doce esperança e sensações constantes.

Quando ele toca,
com som natural da modenirdade que se instala a cada dia mais,
talvez ela possa esperar o momento,
do que toque real.

Sei eu que ouvi dela a história do trim.
Do sorriso e sonho que ganhou com ele.
Da expectativa contemplada.
Da motivação sendo ativada.
Da realidade e o virtual sendo unificadas.

Ela falou com os olhos e com poucas palavras.

Fez o trim.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Luzes de lá

Tenho um céu estrelado no meu peito.
Um céu cheio de brilho e luz.
Uma coisa infinita que ressoa o som da vida, sem silêncio algum.


Eu tenho um céu estrelado na cabeça, como se fosse o teto que olho quando vou deitar.
Eu brilho em luzes dentro e tem que ser de outro mundo para enxergar.


Quem vive na luz pode ver... quem vive na escuridão quer tirar as luzes de lá.
.
.
.