terça-feira, 4 de setembro de 2012

Pedido de hoje.

Que minha vida seja extrema fidelidade às minhas crenças.
Que seja pautada nos sentimentos reais,
sentimentos meus.
Que não haja receios, 
muito menos desejo de impressionar a ninguém.
Minha consciência seja meu guia,
seja minha luz nas escolhas feitas.
Que eu seja o máximo que posso ser.
Que eu faça o máximo que posso fazer, 
porém não por obrigação. 
Que me abstenha das coisas vãs,
do que a aparência deseja implantar,
do que as pessoas esperam,
do que a sociedade muitas vezes impõe.
Que me abstenha do que não sou e não corrompa meu pensar.
Que minha vida seja entregue 
e não hajam limites para realizar o que transborda em meu coração.
Que eu tenha audácia em assumir,
coragem de falar,
força para romper
e amor a doar.
Porque não há normas,
não há regras reais,
nossas cadeias são mentais,
e o que realmente vale é ser feliz.
O resto... tudo passa.


Seja livre e viva.
Essa é a vida e nenhum segundo torna...

Postar um comentário