sábado, 16 de junho de 2012

M.U.R.A.L.H.A

Bate!
Chuta!
Empurra!
Faze o que for mas passa.
Passa dessa muralha.

Invade.
Vai com instrumentos de guerra.
Derruba a fortaleza imposta.

Sê forte!

Sê coragem!


Há sempre um jeito... 

Vai que dá!
Você pode!
Não permita instituirem uma muralha mental a ti!

Rompe!

Fecha teus olhos,
faze silêncio e ouça... veja... 
...nossas cadeias são mentais, 
e as muralhas também.
Postar um comentário