Pra que viver na realidade?

Pra que viver na realidade?

Eu sei, vivemos em um tempo de estudos realísticos, dados e mais dados... mas de que realmente vale esse parâmetro?

A realidade nos diz onde estamos, como vivemos, o que temos. E isso estimula? A realidade delimita nosso espaço.

A realidade nos faz dar um passo de cada vez. Mas pra que andar se podemos ir além?

Visionar, ser motivado pelo ideal a ser alcançado, pelo que alguns chamam de sonho, outros de objetivos, metas... isso sim!



A realidade limita, o alvo impulsiona.

Aqueles que andam segundo o que realmente acreditam, assumem posições, comportamentos e são direcionados para o alcance daquilo que verdadeiramente são.

Toda possibilidade já existe. William Shakespeare disse:

"As ideias das pessoas são pedaços da sua felicidade."

É verdade. As ideias são fragmentos de desejos, são visualizações do que se espera viver e receber. Poucas pessoas conseguem assumir esses pedaços de si, muitas delas escondem-se até de si mesmas. Talvez a racionalidade impeça-os de ver-se. Talvez tentar usar a imaginação para identificar como suas ideias irão se realizar sejam o real impedimento.

Temos a grande mania de pensar:

"Como isso pode acontecer? É muito difícil..."

É a nossa extrema humanidade, simplória visão que dá resposta a tudo. A verdade é que não precisamos saber como irá acontecer, o que irá suceder, qual será o acontecimento... a  verdade é que devemos simplesmente acreditar no que diz nosso interior. Somos o que cremos e pronto.

Andar segundo o que se crê não é para todos. Às vezes vejo depoimentos de grandes personalidades que marcaram a história e ainda sinto-me impressionada pela sua fé, pela certeza que tinham no que acreditavam.

Ninguém precisava acreditar no que eles pensavam, eles sustentaram-se. Foram além.

Pessoas que criaram métodos, inventaram computadores, aviões, telefones, rodas... tudo que hoje é normal um dia não existiu. Alguém creu que podia fazê-lo e o fez. Creu e foi além.

Ouvir o seu coração, alma, intuição, voz interior, seja lá o que pense ser, é a resposta.

Ousar ouvir-se. Ousar acreditar no que pode acontecer independente de como irá acontecer.

Isso se chama fé. 

Independente de religião e sim coragem para ser.

Somos seres individuais e buscamos padrões de resposta, só que na vida acontece com cada um de uma forma.

 A resposta está dentro e não fora.

Agora me diz: Pra que viver na realidade?
 


Postar um comentário

Postagens mais visitadas