Sossega amor...

Sossega amor,
tudo acontece por um motivo.

Deixa seguir, deixa vir, deixa chegar.

Sossega assim,
não adianta acelerar.
As coisas vão vir,
vão suceder,
não precisa apresssar.

O que há de ser não pode parar.
O que há de ser: há!



Aquieta amor!
Pra quê encher o pensar?
Pra que descobrir o que já se sabe ao sentir?
Não adianta tentar...

Tem que sossegar!

Eu aquietei,
entendi e cri.
As coisas que vêm são perfeitas meu bem,
são dadas a vir.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas