sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Tá.


Tá. 
Eu vou de tênis.
Vou de simplicidade.
Vou livre, entregue, de verdade.
Vou sendo o que sou e só.
Tá. 
Vou sem compostura, 
sem forma, sem normas...
Só vou.
Já estou no meu caminho.


Postar um comentário